Wednesday, May 18th, 2022

Por que gerenciar riscos na empresa? Aprenda como fazer

Já se perguntou por que gerenciar riscos em projetos, dentro dos departamentos e até na estratégia da empresa como um todo?

Uma vez que todo negócio tem objetivos e processos definidos para alcançá-los, saber o que pode dar errado e se antecipar é uma iniciativa importantíssima, não é mesmo?

O gerenciamento de riscos é uma etapa essencial que não deve ser negligenciada por sua equipe.

Os líderes de projetos e de departamentos devem estar sempre de olho nas análises para identificar alguma coisa que enfraqueça o trabalho ou que possa surgir no caminho.

Existir riscos não quer dizer que a empresa está no caminho errado. Eles podem ser encarados como “avisos” para que a equipe trabalhe com mais atenção e consiga contorná-los.

Além disso, verificando o alto risco de um cenário, os gestores podem reavaliar o caminho escolhido e optar por soluções alternativas.

Para responder sobre por que gerenciar riscos, é importante entender como funciona esse trabalho. Neste artigo vamos explicar:

  • O que é gestão de riscos?
  • Por que gerenciar riscos nos negócios?
  • Passo a passo de como gerenciar riscos

Continue a leitura e entenda cada etapa desse trabalho.

O que é gestão de riscos?

A gestão de riscos é o processo que identifica riscos em potencial, analisa a probabilidade deles acontecerem e estabelece ações para evitá-los ou diminuir seu impacto no negócio.

Dessa forma, a empresa não compromete seus resultados e ainda mantém operações fortes e alinhadas com os objetivos estratégicos.

A prevenção de falhas é feita com a ajuda de ferramentas que facilitam a análise de acordo com o contexto a ser avaliado.

Para isso, é preciso conhecer o trabalho e ter experiência em avaliações voltadas para  identificar riscos.

Além de identificá-los, saber quais são as chances deles acontecerem no cenário da empresa também é importante para gerenciar riscos.

Isso porque a partir dessa probabilidade, os planos de ação da gestão de riscos serão realmente adequados para eliminar ou reduzir o impacto no negócio. 

Então, invista na sua equipe para que ela esteja bem treinada e saiba executar o gerenciamento de risco com assertividade.

Por que gerenciar riscos nos negócios?

Entendendo o que é o processo, já dá para compreender o porquê gerenciar riscos nos negócios, não é mesmo?

Estar um passo à frente de potenciais problemas é uma forma de conduzir as operações com mais foco e atenção, porém sem aquele estresse de “e se algo der errado?”.

Isso interfere diretamente na qualidade do ambiente de trabalho, pois colaboradores pressionados pela possibilidade de erros, provavelmente vão acabar errando.

Assim, os gestores conseguem eliminar ou reduzir os índices de retrabalho, queda de produtividade, insatisfação dos colaboradores, entre outros fatores.

Então, se algum dos membros questionar por que gerenciar riscos com tanta precisão, o gestor pode explicar como cada um dos planos de ação implementado contribui para que a equipe trabalhe melhor.

Passo a passo de como gerenciar riscos

Agora que você já sabe o que é e porque gerenciar riscos, vamos falar da parte prática de como fazer esse trabalho no dia a dia.

As principais etapas do gerenciamento de risco são:

  • Criação de um planejamento de trabalho
  • Identificação dos riscos
  • Classificação dos riscos
  • Definição de planos de ação
  • Monitoramento do cenário

Aprenda como executar cada etapa.

1. Criação de um planejamento de trabalho

O primeiro passo para gerenciar riscos é fazer um planejamento de trabalho para orientar como o processo será realizado.

Defina o responsável pela tarefa de gerenciamento de riscos na empresa que vai acompanhar tudo desde o começo, distribuir tarefas, fazer repasses, etc.

A técnica que vai ser utilizada, assim como materiais e equipamentos necessários também devem constar no planejamento para que sejam providenciados. 

2. Identificação dos riscos

A etapa seguinte é a identificação dos riscos dentro de um projeto ou atividade realizada na empresa.

O processo comercial da empresa ou o trabalho de produção do produto, por exemplo, podem ser avaliados para que sejam identificados os possíveis riscos.

Para fazer isso, são usadas ferramentas específicas para gerenciar riscos como:

– PMBOK 

O Project Management Body of Knowledge (PMBOK) ou Conjunto de Conhecimentos em Gerenciamento de Projeto faz a padronização do fluxo de trabalho, o que ajuda a equipe a executá-lo da maneira certa, controlando os riscos;

– FMEA

O FMEA ou Análise de Modos de Falha e seus Efeitos é uma ferramenta para gerenciar riscos que identifica e cria planos de ação para corrigir falhas em projetos, processos ou produtos. Conheça melhor a ferramenta no vídeo abaixo:

– 5 porquês

Os 5 porquês da Qualidade é outra opção de ferramenta para gerenciar riscos aplicada para identificar a causa raiz dos problemas. A proposta é fazer até cinco perguntas para chegar à origem do que pode causar um risco. 

3. Classificação dos riscos

Na próxima etapa do gerenciamento de riscos é feita a classificação do que foi identificado com a ajuda das ferramentas.

Dessa forma, cria-se uma escala gradativa que pode considerar a gravidade das consequências, chances de acontecer, entre outros critérios. 

4. Definição de planos de ação

Com a classificação pronta, são definidos os planos de ação para gerenciar os riscos, ou seja, as medidas que vão evitar ou minimizar que as falhas aconteçam. A ferramenta 5W2H pode ser aplicada para organizar essa etapa. 

5. Monitoramento do cenário

Por fim, o monitoramento do cenário de riscos como um todo e da execução dos planos de ação facilita acompanhar e identificar se o planejamento está sendo efetivo e bem executado.

Alcance o sucesso com o gerenciamento de riscos

Ficou claro por que gerenciar riscos é um processo tão relevante nos negócios?

Agora que você aprendeu como fazer, pode colocar a gestão de risco em prática para melhorar o padrão de qualidade da sua empresa e manter a melhoria contínua dos seus processos. Bom trabalho!
Este post foi escrito pela CAE Treinamentos, uma empresa de cursos online e treinamentos in-company com mais de 25.000 alunos na plataforma EAD e mais de 30 turmas presenciais. Conheça nossos cursos sobre gestão e processos e escolha aquele que se encaixa à sua realidade profissional.