Saturday, July 20th, 2024

Reforço para o processo de detoxificação

Alimentos capazes de ajudar no detox são de grande valia. Afinal, nem sempre a alimentação é suficiente para dar conta de fornecer tudo que o corpo necessita, seja como matéria-prima ou seja para estar adequadamente saudável. Buscar alternativas para o reforço do processo de detoxificação é uma estratégia inteligente para cuidar da saúde. 

Um organismo saudável de verdade, com tudo que precisa para funcionar em completa harmonia, é capaz de fazer a detoxificação naturalmente. 

Há diferentes motivos para não conseguir suprir o corpo. Vão desde a falta de tempo, típico da vida moderna, à pobreza dos alimentos aos quais temos acesso nos dias de hoje. 

Mas antes de falar da relação entre a detoxificação e os alimentos que ajudam nesse processo, vamos explicar melhor sobre detoxificação. 

O organismo precisa eliminar toxinas.

Estar saudável nunca foi tão desafiador. Jamais foi tão necessário quanto nos dias de hoje, no chamado mundo moderno. Não se trata apenas de uma condição. Ter saúde é ter riqueza. Tem valor. 

Afinal, em nenhum momento da história humana no planeta estivemos tão expostos aos xenobióticos quanto agora. Xenobióticos são substâncias estranhas ao organismo, que causam danos brandos ou severos, de acordo com o tipo e quantidade. 

Eles estão nos poluentes do ar e do solo, contaminantes de águas, metais pesados lançados na natureza, ingredientes químicos sintéticos presentes não apenas em utensílios do dia a dia, como também em produtos que são ingeridos por humanos, seja pela boca ou mesmo absorvidos pela pele. Até mesmo os alimentos ultraprocessados que, além das meras calorias vazias, também contém químicos que poluem o organismo. 

O próprio corpo tem capacidade para eliminar toxinas no dia a dia, e limpar o organismo. Seja pelo suor, pela urina, pelas fezes. Detoxificação é um processo natural do organismo para reduzir ou eliminar xenobióticos. 

No entanto, um organismo com desequilíbrios ou um habitat com alta carga de toxinas pode requerer medidas que não apenas garantam a saúde, como também um reforço ao sistema de detoxificação.  

Porém, o corpo e, principalmente, os órgãos envolvidos na eliminação de toxinas precisam estar saudáveis. Assim eles atuam no processo de detoxificação de forma mais eficiente, não precisando se envolver com o combate a outros problemas. 

Dietas ou quaisquer outras atitudes para auxiliar o processo de detoxificação  nada mais são do que auxílio para que o corpo execute um bom trabalho detoxificante. Por isso, otimizar a detoxificação é um compromisso com a saúde. 

Alimentos e compostos ativos.

Uma alimentação com comida de verdade, na sua forma mais natural, com o equilíbrio na variedade de nutrientes e suas fontes, é significativa para manter o corpo saudável e funcionando adequadamente. Isto inclui dar a capacidade a ele para eliminar toxinas de forma autônoma.  

Vitaminas C e de todo o complexo B e minerais como ferro, zinco e selênio, que fazem parte de diferentes etapas do processo de detoxificação também estão presentes nos polivitamínicos.

Mas vale lembrar: não há uma fórmula exata, visto que diferentes vitaminas, minerais e outras substâncias são necessários para reforçar o processo de detoxificação. E é justamente a variedade de ingredientes que faz o corpo capaz de detoxificar, além de prevenir doenças, evitar o envelhecimento, garantir o bom funcionamento de órgãos e tantos outros benefícios. 

Este post foi escrito especialmente para Eduardo e Marina e é mais uma iniciativa da Puravida em seu propósito de apresentar os benefícios da prática de um estilo de vida saudável.