Wednesday, May 18th, 2022

Ronco: Por que, consequências e dicas para parar de roncar

O ronco pode ser difícil tanto para o roncador quanto para o meio ambiente.

Roncar está associado com diversos motivos, desde a falta de sono até problemas mais graves de saúde.

Geralmente, se você tem dificuldade para dormir, existem alguns métodos para ajudar a relaxar, como o uso da aromaterapia e seus oleos essenciais.

Mas se você ainda tem encontra problemas para lidar com o sono, é importante entender o que está causando o ronco. Dessa forma, você pode encontrar mais facilmente uma ajuda adequada e mudanças no estilo de vida para parar de roncar.

O que causa o ronco?

O ronco é muito comum e pode ser devido a vários fatores diferentes. Algumas causas comuns são vias aéreas estreitas e nariz entupido , mas seu estilo de vida também pode ter um dedo na torta .   

Para ser capaz de corrigir o problema, é importante que você entenda a razão subjacente pela qual você está roncando. 

Por que você ronca? 

O ronco ocorre através de vibrações na parte de trás do palato ou no nariz quando o ar flui muito rápido pela garganta.

O resultado é que o palato e outras partes moles da garganta começam a vibrar, o que cria um ronco. Quanto mais limitado o fluxo de ar na garganta, mais alto o ronco se torna.

O ronco pode ser devido a uma ou mais das seguintes causas:

  • Peso . A obesidade pode bloquear as vias aéreas e limitar o espaço para os órgãos.
  • Idade . É mais comum que a garganta fique mais estreita à medida que envelhecemos, o que aumenta o risco de ronco.
  • Fumo e álcool. Tanto o fumo quanto o álcool podem irritar as membranas mucosas e as paredes da faringe, o que pode levar ao aumento das vibrações na faringe.
  • Congestão nasal . Alergias ou resfriados podem deixar seu nariz entupido e forçá-lo a respirar com a boca enquanto dorme. Isso também pode causar ronco.
  • Garganta estreita ou nariz estreito . Isso ocorre porque pode prejudicar o fluxo de ar na garganta.
  • Amígdalas grandes. Um fator de risco, especialmente em crianças.
  • Estresse e fadiga. Se você dormir muito pouco, pode fazer com que os músculos do pescoço relaxem demais e comecem a vibrar.
  • Medicamentos . Relaxantes ou analgésicos também podem relaxar os músculos da garganta, o que agrava o ronco.
  • Sobremordida ou mandíbula pequena . Outro fator que pode prejudicar o fluxo de ar.
  • Posição de dormir . É mais comum roncar se você dorme de costas porque cria pressão nas vias aéreas.

Por que você só ronca às vezes?

Quase metade de todos os adultos ronca , mas apenas um quarto deles ronca regularmente. 

A congestão nasal relacionada a resfriados ou alergias é uma causa comum de ronco temporário, porque nessas ocasiões respiramos pela boca em vez do nariz.

Algumas outras causas de ronco temporário são medicamentos, estresse e privação de sono.

A chance de roncar também é maior se você beber álcool antes de ir para a cama.

Que consequências o ronco pode ter? 

O ronco pode ser problemático, em parte para a pessoa que ronca, mas também para a pessoa que dorme ao lado dele. Além do sono prejudicado, o ronco pode, na pior das hipóteses, levar a problemas de relacionamento.

Para você que ronca, as consequências podem variar um pouco dependendo do motivo pelo qual você ronca e com que frequência. Algumas consequências potenciais são:

  • Fadiga durante o dia
  • Dificuldades de concentração
  • Dor de cabeça
  • Parada respiratória, a chamada apnéia do sono. Esta é uma consequência grave que deve ser investigada por um médico.
  • Aumento do risco de pressão alta e doenças cardiovasculares

Como parar de roncar 

O ronco pode causar problemas de sono e saúde tanto para você quanto para o seu entorno. Portanto, não é de surpreender que muitos optem por fazer algo sobre o problema.

Felizmente, existem coisas que você pode fazer para parar de roncar ou pelo menos reduzir o ronco. Aqui estão algumas dicas valiosas. 

Mudanças no estilo de vida

A primeira coisa que você deve fazer é rever seu estilo de vida. Muitos problemas de ronco podem ser resolvidos com algumas mudanças simples no estilo de vida.

Revise sua dieta, perca peso se estiver acima do peso, faça exercícios, pare de fumar e reduza o consumo de álcool.

Mude a posição de dormir

Se você costuma dormir de costas, tente deitar de bruços ou de lado. Isso libera as vias aéreas e facilita a respiração durante a noite. Pode parecer estranho no começo, mas depois de um tempo você vai se acostumar.   

Conclusão

O ronco é muito comum e pode ser devido a várias coisas, como fatores de estilo de vida, como obesidade ou tabagismo. Uma garganta estreita é uma causa comum, mas mesmo uma congestão nasal temporária pode levar ao ronco.

Para parar de roncar, é importante que você entenda o que está causando o ronco no seu caso particular.

Então você pode tentar ajudas diferentes para encontrar aquele que melhor lhe convier.

Se você sofre de parada respiratória enquanto ronca, é importante consultar um médico. O ronco não tratado pode levar à fadiga durante o dia e, na pior das hipóteses, ao aumento do risco de pressão alta e doenças cardiovasculares.